ID de Conteúdo:  

PMED.015

   |   Publicado a:   

26 de Abril, 2019
Biblioteca Pessoal: Guardar

Tipo de Documento:  

ESTRATÉGIAS DE TRANSFORMAÇÃO DIGITAL

Estratégias de Transformação Digital na Indústria Manufatura / Materiais – Otimização Da Cadeia De Abastecimento Digital

Estratégia de Otimização da Cadeia De Abastecimento Digital

A estratégia de transformação digital está relacionada com garantir o fluxo contínuo de Informação ao longo da cadeia de valor, ao mesmo tempo que se gera valor dentro dos processos de negócio. A gestão da cadeia de valor para as empresas da Indústria Manufatura / Materiais tem sido dificultada pela complexidade, talvez não tanto ao nível da procura e oferta, mas sobretudo de garantir a maximização da eficiência através de uma rede robusta. Como tal, os programas desta estratégia estão relacionados com uma maior aproximação com os fornecedores, com o objetivo de serem geradas maiores eficiências nas operações de downstream.

Programa de Otimização da Cadeia de abastecimento digital: Aquisição Baseada em Capacidades

As empresas da Indústria Manufatura / Materiais devem ter um fluxo de fornecimento estável, confiável e eficiente para manter numa produção que otimize as capacidades instaladas. No entanto, à medida que o ritmo da inovação acelera para responder às necessidades crescentes dos clientes, gerir as relações com os fornecedores torna-se fundamental para garantir a disponibilidade, a fiabilidade e a qualidade do fornecimento.

Caso de Uso

Situação Atual

Objetivos

Tecnologias utilizadas

Sumário do Caso de Uso

Sourcing inteligente

A melhor prática atual analisa os volumes de compra agregados com fornecedores para negociação.

Comprar com base na reserva de capacidade de fornecedores com base num “digital twin” de toda a cadeia de abastecimento produzirá stocks mais baixos e resultados de pedidos mais altos.

Cloud, Cloud de indústria, Sistemas cognitivos e blockchain

Entender as capacidades do fornecedor num nível mais profundo, como capacidades, certificações, capacidade e procura da empresa para esses itens.

Reequilíbrio contínuo da oferta de itens críticos com base em capacidades, em vez de unidades e quantidade

Gestão da rede de fornecedores

A posição de fornecimento é baseada em poucos dados e a melhor prática é baseada no processamento em lote, como o EDI.

A conscientização em quase tempo real da posição de abastecimento trará menores custos de transporte e melhor entrega de produtos acabados.

Cloud, IoT, Cloud de indústria e cognitiva

Sensorização da produção de e armazéns dos fornecedores para criar um “digital twin”.

Kanban automatizado

As práticas Lean atuais prescrevem que o reabastecimento de matéria-prima seja acionado por cartões Kanban.

As melhores práticas introduzem algum nível de automação e integração dos sistemas de aquisição.

Os custos do processo de reabastecimento serão reduzidos significativamente e acelerados.

Este resultado permitirá uma maior flexibilidade no planeamento, bem como menores stocks.

Sistemas cognitivos, blockchain e IoT

Uma ligação automatizada com os fornecedores, em quase tempo real, para acionar o reabastecimento de matéria-prima

Programa de Otimização Da Cadeia De Abastecimento Digital: Planeamento alargado

A transformação digital determina que as decisões da cadeia de valor sejam feitas usando Informação quase em tempo real. As empresas da Indústria Manufatura / Materiais devem procurar incorporar conhecimento em tempo real nos processos de planeamento da cadeia de valor para melhorar os processos de produção, maximizar a utilização da capacidade instalada e otimizar os recursos disponíveis.

Caso de Uso

Situação Atual

Objetivos

Tecnologias utilizadas

Sumário do Caso de Uso

Planeamento de Vendas e Operações estendido

O planeamento de Vendas e Operações é um processo muitas vezes isolado que não permite compreender adequadamente a procura granular, a oferta mais ampla e as restrições dos integrantes além das definições elementares de equilíbrio entre a procura e a oferta.

Envolver todos os componentes do planeamento, dentro e fora da empresa, de maneira oportuna e produtiva, tanto para garantir que os planos existentes sejam viáveis como para para entender as futuras oportunidades de recalibrar os planos.

Cloud, social, BDA, cognitiva, IoT, móvel

Existem ferramentas baseadas em Cloud integradas com Informação recolhida de um conjunto amplo e diversificado de componentes conectados. 

Existe também uma rápida iteração de planos e cenários com recursos de otimização de próxima geração.

Visão de sinal de procura e consumo

Embora seja comum nas cadeias de valor do consumidor, os feeds automatizados da procura real são raros nesta cadeia de valor.

O ajuste quase em tempo real dos tempos de procura irá suportar receitas mais altas, especialmente em peças e serviços “aftermarket”.

Cloud, IoT, mobile e Cloud da indústria

A sensorização de sinais de procura de clientes e parceiros de canal cria uma representação precisa da procura em tempo real no digital twin da cadeia de valor.

Pensar cadeia de abastecimento

Vários modelos analíticos suportam diferentes estágios de planeamento, mas os modelos são vagamente integrados.

Os objetivos são de melhorar a alocação de recursos e mitigação de riscos, melhores planos de vendas e operações, e melhor decisão de próxima melhor ação.

Sistemas cognitivos, BDA, AR / VR e móvel

Um modelo analítico de circuito fechado conecta portfólio, cenários, valor e análise situacional para impulsionar a inovação da cadeia de abastecimento.

Programa de Otimização Da Cadeia De Abastecimento Digital: Automação Logística

O movimento de materiais, tanto de entrada como de saída, em Empresas da Indústria Manufatura / Materiais pode ser bastante complexo, muitas vezes devido a preocupações regulatórias e de segurança, dada a natureza volátil e controlada de muitos dos materiais usados e produzidos nessas indústria.

Caso de Uso

Situação Atual

Objetivos

Tecnologias utilizadas

Sumário do Caso de Uso

Armazenamento Inteligente

A melhor prática é a automação de processos orientada por aplicações, apenas vagamente integrada à automação física.

A automação reduzirá os custos de mão-de-obra nos armazéns, reduzirá os níveis de stock e permitirá uma recolha de stock mais precisa.

Robótica, AR / VR, Cloud, Sistemas cognitivos e móvel

Fluxo de trabalho de processo altamente integrado com a automação física para fornecer execução aumentada e autónoma no armazém

Otimização de transporte

A oferta de carga é automatizada e as ferramentas de otimização de gastos são usadas, mas não é usada nenhuma gestão contextual em tempo real.

Reduzir os custos de transporte, incluindo transporte de expedição. Melhorar a entrega no prazo de material recebido e produto acabado.

Cloud de indústria, Sistemas cognitivos, IoT e robótica

Modelo contextual em tempo real que equilibra a otimização de custos a longo prazo com níveis de serviço de curto prazo

Automação do comércio global

Existe alguma automação para automatizar a conformidade regulamentar e o processamento financeiro, mas não está totalmente integrada.

Os objetivos são de redução das penalidades, melhor tempo na alfândega, liquidação precisa / pontual, menores custos de transporte e menor resolução de disputas.

Blockchain, Cloud de indústria, móvel e IoT

Sensorização de contentores físicos integrados com liquidação para importação e exportação de mercadorias.

Tópicos deste Documento

Setor ou Indústria a que se aplica: , ,
Plataforma Digital Relevante:

Conteúdo Relacionado

Também pode estar interessado em
ID de conteúdo: PMED.089
Publicado a 2 de Setembro, 2020
Tipo de Documento:

Guardar

ID de conteúdo: PMED.090
Publicado a 2 de Setembro, 2020

Guardar

ID de conteúdo: PMED.088
Publicado a 8 de Janeiro, 2020
Tipo de Documento:

Guardar

ID de conteúdo: PMED.085
Publicado a 8 de Janeiro, 2020
Tipo de Documento:

Guardar

Precisa de ajuda a potenciar a Transformação Digital do seu negócio?

Fale connosco e conheça as soluções disponíveis

Scroll to Top
small_c_popup.png

Fale Connosco

Estamos Aqui Para Apoiar

Ativar Notificações    OK No thanks